Unimed volta a sofrer críticas por mal atendimento

O atendimento no Pronto- Socorro da Unimed foi mais uma vez alvo de críticas dos vereadores de Manaus. O líder do prefeito, Braz Silva (PSDC), foi o primeiro a trazer o problema à tona, denunciando que buscou atendimento, no final de semana, com suspeita de dengue e sofreu na pele “a forma desumana como estão sendo atendidas as pessoas que vão ao local”.

Braz lembrou que nesse período, a busca por atendimento médico se intensificou diante do variado quadro de viroses e de dengue que se registra na cidade.

O vereador pediu às comissões de Saúde e Defesa do Consumidor da Câmara que visitem o local para apurar a situação e tomar providências em relação ao problema.

Para o vice-presidente da Casa, vereador Gilmar Nascimento (PSB), o problema é conseqüência do aumento no número de usuários sem a contrapartida de um aumento na infra-estrutura da Unimed. “Já havia feito essa denúncia e concordo que temos de acionar a comissão de Saúde pois vemos a situação de tantas crianças que aguardam horas para serem atendidas”, lamentou.

De acordo com a vereadora Mirtes Sales (PP), presidente da Comissão de Defesa do Consumidor, as comissões da Câmara estão amparadas pela Constituição e podem agir junto à Unimed para exigir a melhoria do serviço. “Temos de exigir respeito dessa empresa que está prestando um péssimo serviço aos seus usuários. Apelo ao prefeito no sentido de que instale o Procon Municipal, pois nessas horas é que vemos a falta desse órgão”, falou.

Deixe um comentário

Filed under Cidades

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s